Inteligência emocional: a característica de profissionais de sucesso

03 SET

A inteligência emocional é a combinação de vários traços da personalidade de uma pessoa que determina como ela se comporta frente a situações diversas. Essa habilidade já é um dos quesitos para a contratação de profissionais em muitas empresas de pequeno a grande porte e é uma característica que empreendedores têm buscado trabalhar em si para conquistar mais sucesso em seus negócios.

Entre as principais capacidades de uma pessoa que tem inteligência emocional está a habilidade de administrar as próprias emoções e usá-las em seu favor, bem como compreender as emoções das pessoas de sua convivência. Aqueles que possuem inteligência emocional sabem pensar, sentir e agir sem deixar que as emoções controlem as situações, dessa forma constroem relações mais saudáveis, fazem escolhas racionais e melhoram a sua qualidade de vida.

De acordo com pesquisas realizadas em Harvard, ter a habilidade de identificar e gerenciar as emoções próprias e dos outros são atributos valiosos para alcançar o sucesso profissional. Empreendedores com bons níveis de IE também se relacionam melhor com funcionários e clientes.

 

Como é possível desenvolver a inteligência emocional?

O desenvolvimento da inteligência emocional requer estudo, prática e resiliência. Ninguém adquire essa habilidade após fazer a leitura de alguns artigos e de assistir a vídeos no Youtube, é preciso moldar o seu mindset e mais do que construir uma rotina, transformá-la em um hábito.

1) Se observe e busque pelo autoconhecimento: para entender as emoções do próximo, primeiro você precisa conhecer as suas e saber lidar com elas de maneira inteligente.

2) Transforme emoções negativas em alertas de melhoria: sempre que você receber um feedback negativo, busque entender os motivos e como você pode melhorar. Evite carregar frustrações.

3) Pratique a empatia: principalmente em ambientes corporativos é fundamental se colocar no lugar dos colegas e entender os pontos de vista diferentes e até as críticas construtivas.

4) Aprenda a administrar a sua ansiedade: pressão e prazos apertados são comuns em todas as organizações, tente aplicar técnicas de gestão de tempo para dar conta de tudo.

5) Cultive bons relacionamentos com os colegas de trabalho: passamos a maior parte do tempo com eles, então precisam nos relacionar de forma saudável com todos.

Vamos conversar?

Clientes & Parceiros