Hard Sell e Soft Sell: entendendo as diferenças

29 MAI

Qualquer estratégia eficiente inicia com a definição dos seus objetivos. Por isso, conhecer as diferenças entre hard sell e soft sell é fundamental para quem quer ter sucesso em um mercado disputado.

Esses conceitos são importantes a partir do entendimento de que o que funcionou em uma campanha e seus resultados, podem ser totalmente diferentes na próxima.

Hard e soft sell são dois modelos estratégicos para a venda de produtos ou serviços. Essas metodologias têm abordagens opostas, em busca de um mesmo objetivo: conseguir converter mais leads. No entanto, o uso dessas técnicas pode variar de acordo com o segmento, perfil do consumidor e objetivos da empresa.

O hard sell tem foco em ações e abordagens menos sutis, com a ideia de conseguir fechar novas transações, como por exemplo, a partir da estratégia de venda direta. Aqui, o objetivo é ir direto ao ponto, buscando convencer o cliente rapidamente.

Já o soft sell, trabalha com a ideia de conseguir mais conversões a partir de um contato mais sofisticado, sem desespero.

Uma das diferenças desses modelos é o tempo e recursos utilizados. O primeiro modelo dá menos atenção aos outros tópicos, enquanto o soft sell, tem como principal função realizar o planejamento estratégico e a compreensão dos problemas e objetivos do cliente.

Ainda assim, ambos modelos seguem um mesmo planejamento de esforços e ações para convencer os consumidores fecharem uma compra.

Fonte: Rock Content.

Vamos conversar?

Clientes & Parceiros